Translate

sexta-feira, 30 de abril de 2010

Use sua inteligência emocional

Por Yara Simões

Fonte: Revista Executiva/ed.4

Mas afinal de contas o que é essa tal de Inteligência Emocional?
Como você pode desenvolvêla? Qual importância ela tem no nosso
dia-a-dia pessoal e profissional? No que ela pode nos ajudar a nos relacionarmos melhor com as pessoas, a conquistar lugares altos e a sermos melhores com os outros e com nós mesmas?

Para responder estas e outras dúvidas, conversamos com três profissionais que dominam o assunto: Frederico Mattos, psicólogo clínico do Instituto Evoluir, formado em técnicas junguianas e autor do livro Por que fazemos o mal? – Transformando a sombra da personalidade (Editora Scortecci), Dalton Cortucci, sócio-diretor da BR Coachin e Ieda Neres de Souza, professora universitária, mestre em administração e especialista em Recursos Humanos.

Domine suas emoções

Muitas de nós passamos grande parte de nossas vidas fazendo cursos, especializações, mestrado, doutorado, intercâmbio…
Quanto mais estudo, melhor para garantir um cargo alto em uma grande empresa, certo? Sim e não!

Os cursos e especializações são fundamentais para se obter o conhecimento técnico, mas, diferente de alguns anos atrás, não são mais o fator fundamental na hora de uma contratação e, principalmente, uma promoção. Porque, segundo afirmam os especialistas: de nada adianta tanto estudo se não tiver a capacidade de dominar suas emoções. E é aí que se inicia a Inteligência Emocional (IE), definida como: o saber administrar as emoções que nos são causadas diante de diversas situações. Em acordo, alguns autores vão mais longe e defi nem a IE como: o potencial inato de sentir, usar,
comunicar, reconhecer, lembrar, descrever, identificar, aprender com, controlar, compreender e explicar as emoções.

Para se ter uma ideia, a IE é tão importante que hoje em dia empresas de alto nível de reconhecimento no mercado de negócios contratam seus funcionários estruturados neste conhecimento, sendo este também um dos motivos pelos quais também demitem. Algumas
pessoas, devido à pressão natural (ou às vezes excessiva) do ambiente de trabalho, deixam de controlar suas emoções e podem agir de forma indesejada, como, por exemplo, chorar quando recebe uma
crítica de um colega de equipe.

O oposto disto, porém, é bastante valorizado no meio corporativo. “As empresas perceberam que colaboradores e, principalmente, líderes executivos com alto nível de IE poderiam signifi car uma grande
melhora no clima organizacional, assim como um fator impulsionador da produtividade”, explica Dalton Cortucci.

Agora, se você acha que não lida tão bem com as suas emoções e que administrálas melhor lhe ajudaria muito profissional e pessoalmente, temos uma boa notícia: todos nós possuímos a Inteligência Emocional e, por isso mesmo, podemos desenvolvê-la.

Tenha a inteligência emocional como sua aliada

Tais técnicas nos ajudam a perceber o que ativa nossas emoções e, o mais importante, nos ensina a prestar atenção nos principais agentes de nossos estados emocionais: os pensamentos. Ao observá-
los com mais frequência e atenção, podemos reverter este quadro, antes negativo, em algo bom.

Em relação ao nosso trabalho, como passamos a maior parte do nosso dia nele, saber usar a Inteligência Emocional é essencial. Hoje em dia, dependendo do cargo, os conhecimentos técnicos não têm tanta relevância quanto a IE.

Segundo uma pesquisa realizada com funcionários de alta performance nas companhias e os de performance mediana, comparando-os em funções de liderança, quase 90% da diferença entre seus perfis era atribuído à Inteligência Emocional. “No ambiente de trabalho,
o profissional que tem uma inteligência emocional bem desenvolvida sai na frente dos demais.

Ele perceberá com rapidez e fluência esse “idioma” silencioso que se manifesta nas entrelinhas das relações de trabalho e que na grande
maioria das vezes determina ações de grupo, projetos de trabalho, defi ne escolhas de liderança e avanço na carreira”, enfatiza Frederico Mattos. “Se você é uma pessoa emocionalmente inteligente
já deve ter percebido que no ambiente profissional, a qualidade humana é decisiva.

Um toque de leveza, bom humor e altruísmo pode transformar um
ambiente tradicionalmente hostil num local harmonioso, estimulante e produtivo”, completa.

IE no trabalho

O psicólogo Frederico Mattos ensina como o conceito de Inteligência Emocional pode ser visto no trabalho:

1 – Autopercepção: perceber emoções e valores pessoais positivos (pontos fortes), negativos (pontos fracos) ou conflitantes frente a metas, ações e pessoas difíceis;

2 – Autorregulação emocional: habilidade de dosar a intensidade das expressões emocionais, amortecendo emoções explosivas e intensificando o otimismo em situações de impasse e conflito. Pensar
antes de agir é um bom exemplo;

3 – Motivação: direcionar as emoções na criação e manutenção de um clima de trabalho inspirador que propicie a vivência da missão da empresa e do cumprimento de tarefas de longo prazo mesmo frente os obstáculos;

4 – Empatia: possibilidade de colocar-se no lugar dos outros e tomar decisões e posturas que levem em consideração os sentimentos alheios ao mesmo tempo em que consiga minimizar os danos de
opiniões divergentes na solução de problemas;

5 – Habilidade interpessoal: comunicar ideias de tal forma que considere positivamente muitas visões diferentes e que estimule a intimidade, o reconhecimento mútuo e o espírito de equipe na busca
de metas. Isso é essencial no trato com colegas e superiores, além de expandir seu networking.

Mulheres: inteligentes emocionalmente

Nós, mulheres, cada vez mais somamos inúmeras atividades ao nosso dia a dia: mães, donas de casa, esposas, amigas, executivas, filhas, estudantes, voluntárias… Ufa! E por este motivo precisamos nos manter sempre calmas e equilibradas. “Cada papel é um desafio diferente.

As diversas situações nos provocam um verdadeiro estresse, nos deixando mais vulneráveis à modificação de nossos estados de humor”, enfatiza Ieda Neres de Souza. Com tanta coisa para fazer e
pensar, saber lidar com nossas mudanças bruscas de humor passa a ser uma obrigação para vivermos cada vez melhor, sem deixar que nada disso nos afete muito.

Em contrapartida, mesmo sendo alvo fácil de tantas emoções, aprendemos a lidar melhor com elas, e isto também em comparativo com os homens. Prova disso é o crescente número de mulheres
ocupando cargos elevados em empresas. “O fenômeno não se constitui numa surpresa, uma vez que elas (as mulheres)
comprovadamente têm mais facilidade para desenvolver a IE e usufruir dessa habilidade a seu favor”, explica Cortucci.

Para quem quer ter um controle maior sobre suas emoções, Ieda dá algumas dicas: leia algo positivo; veja coisas que te deixem alegres; ouça um CD/DVD de piadas; coloque sua postura corporal de
forma esguia; enfi m, se autoestimule de maneira consciente para sair do estado de humor ruim.

Princípios básicos da IE

1. Emocionalmente inteligentes são as pessoas que têm a capacidade de administrar seus impulsos emocionais (ou, pelo menos, mais do que aqueles que não são emocionalmente inteligentes), elas têm a autoconsciência para saber o que estão sentindo;

2. São capazes de pensar e expressar essas coisas;

3. Elas têm empatia com os outros e insights sobre como as outras pessoas pensam;

4. São otimistas e geralmente positivas, pois facilmente compreendem a dinâmica de um determinado grupo e, mais importante ainda, a sua posição dentro desse grupo.

5 comentários:

  1. que interessante Simone gostei muito continue assim trazendo post maravilhosos abraçoos

    ResponderExcluir
  2. I hardly drop remarks, but after browsing a few of the responses
    on this page "Use sua intelig�ncia emocional". I do
    have 2 questions for you if you don't mind. Is it only me or do a few of the responses appear like they are coming from brain dead people? :-P And, if you are posting on additional online sites, I would like to follow you. Could you list of the complete urls of all your public sites like your twitter feed, Facebook page or linkedin profile?
    Also visit my page - my computer is slow

    ResponderExcluir
  3. Thanks , I have just been looking for information about this topic for
    a while and yours is the best I've found out so far. But, what concerning the bottom line? Are you sure concerning the supply?
    Take a look at my blog - how to download movies

    ResponderExcluir
  4. What's up colleagues, how is everything, and what you would like to say concerning this paragraph, in my view its really amazing in support of me.
    My web page : old holborn

    ResponderExcluir
  5. Unquestionably imagine that that you stated.

    Your favourite justification appeared to be at
    the internet the easiest thing to be mindful of. I
    say to you, I certainly get annoyed whilst folks consider concerns
    that they plainly do not understand about.

    You controlled to hit the nail upon the highest and defined
    out the whole thing with no need side-effects , folks could take a signal.
    Will probably be again to get more. Thanks
    Feel free to surf my weblog : van nelle

    ResponderExcluir

Gosto de comentar os comentários!Se der passe por aqui depois. Agradeço a sua participação, comentando.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...